Destralhar a cozinha

No sábado acordei bem cedo e logo após o pequeno-almoço comecei a limpar/organizar a cozinha. Nada melhor do que aproveitar a chegada da primavera para fazer algumas limpezas e arrumações.
Já há muito que sentia que a minha casa estava novamente a precisar de uma organização a fundo porque não tenho conseguido manter a organização no dia-a-dia. Tenho feito apenas o estritamente necessário. Portanto é normal que vá acumulando mais tralha e desarrumação do que o costume.
A ideia é percorrer toda a casa, fazendo um pouco de cada vez. Comecei pela cozinha e fiz uma lista de tudo o que queria fazer em cada armário e ao mesmo tempo fui tomando as decisões necessárias: dar/deitar fora/reciclar/vender.
Tirei tudo dos armários/gavetas e aproveitei para limpar.
Facturas e livros de instruções
  • Deitar fora as facturas de coisas que já não têm garantia
  • Deitar fora livros de instruções de coisas que já não tenho
  • Guardar o talão junto do livro de instruções respectivo
  • Guardar tudo numa caixa (ia comprar uma capa mas resolvi tentar encontrar algo em casa que servisse este propósito)
Receitas
  • Organizar livros de receitas e marcar receitas que quero experimentar
Caixa de medicamentos
  • Separar medicamentos fora do prazo para entregar na farmácia
  • Dar medicamentos que ainda estão dentro do prazo mas que já não preciso (dar a instituições de animais e/ou amigos/família)
Louça
  • Agrupar a louça pelo tipo: louça do dia-a-dia, louça que utilizo menos (como chávenas de café que só uso quando tenho visitas), louça de servir, pratos de bolo
  • Arrumar nos armários de cima coisas que uso menos vezes
  • Separar louça partida para dar (se estiver em bom estado) ou deitar fora (se estiver demasiado estragada)
  • Dar aquilo que não utilizo/não faz falta

Talheres
  • Limpar gaveta dos talheres
  • Dar talheres que já não utilizo/itens duplicados (dei todos os talheres de plástico que tinha guardado para piqueniques/férias. Prefiro sempre utilizar talheres normais)
  • Deitar fora o que não estiver em bom estado

Garrafas/ Sacos térmicos (para levar para o trabalho)
  • Arrumar este armário
  • Deitar fora garrafas de plástico (pois só uso garrafas reutilizáveis)
Gavetas
  • Organizar panos de cozinha/ limpeza – agora estão todos na mesma gaveta
  • Deitar fora panos velhos ou aproveitar para fazer panos de limpeza para animais/para limpar chão
  • Arrumar frascos de especiarias e colocá-los dentro de uma caixa (assim quando preciso de várias especiarias é só pegar na caixa, é muito mais simples)

Frigorífico/congelador
  • Limpar todas as prateleiras (aqui é mesmo uma limpeza rápida pois não desliguei o frigorífico)
  • Organizar alimentos no respectivo sítio (vegetais nas prateleiras de baixo, comida nas prateleiras de cima; garrafas na porta)
  • Lavar gavetas do congelador e organizar melhor os alimentos: colocar alimentos do mesmo tipo nas mesmas gavetas. Usar alimentos que já estão congelados há algum tempo. Enquanto estava a fazer as limpezas, aproveitei o ananás congelado para fazer um smoothie
Frascos/Tupperwares
  • Colocar os mais utilizados nas primeiras prateleiras
  • Ter uma área só para frascos que vou aproveitando das coisas que compro (estes frascos são óptimos para demolhar sementes/frutos secos, guardar manteigas de frutos secos caseiras e preparar as overnight oats para os pequenos-almoços)
Despensa
  • Tirar os alimentos dos sacos e colocá-los em frascos
  • Ver os alimentos que estão perto do final de prazo de validade e usar em alguma receita
  • Aproveitar e fazer a lista de compras daquilo que está em falta (tenho sempre um bloco de notas neste armário)
Máquina da louça
  • Arrumar toda a louça da máquina se necessário
  • Limpar o filtro e o interior da máquina, espalhando bicarbonato de sódio e depois vinagre. Deixar actuar alguns minutos e depois passar uma escova
  • Colocar uma chávena cheia de vinagre no tabuleiro de cima e colocar a máquina a lavar num ciclo curto
Banca
  • Limpar e arrumar toda a louça que estiver na banca
  • Limpar a banca com bicarbonato de sódio e limão ou vinagre
  • Comprar uma esponja ecológica (que ainda não consegui comprar) – vou comprar uma bucha vegetal e depois conto a experiência
Armário dos produtos de limpeza
  • Fazer mais detergente caseiro se necessário, colocar bicarbonato de sódio no frasco respectivo
  • Colocar novas embalagens dos produtos na parte de trás do armário

Lavandaria
  • Limpar máquina da roupa por dentro e por fora com detergente caseiro
  • Ligar a máquina no ciclo de limpeza (se tiver) com vinagre no compartimento do detergente
Balcões
  • Remover tudo o que não é usado de cima dos balcões: os balcões vazios fazem mesmo uma grande diferença, pois como são uma superfície horizontal ganham imenso pó. Se estiverem cheios de coisas dão muito mais trabalho a limpar. Além disso, facilita imenso na atura de cozinhar pois temos mais espaço para preparar os alimentos e eu adoro olhar para espaços praticamente vazios, pois transmite-me serenidade
Coisas que não são da cozinha
  • Arrumar nos respectivos locais, ou seja, em sítios com coisas da “mesma família”
  • Se algo não tiver um lugar óbvio devemos pensar se vale mesmo a pena guardar
  • Desinfectar os baldes do lixo e deitar o lixo fora no final das limpezas
As bolinhas com cor indicam o tipo de lixo. Como raramente tenho vidro no lixo, utilizo esse balde para outros itens, como rolhas, pilhas, cápsulas de café, etc.
E por aí já aproveitaram a chegada da primavera para limpar e organizar a vossa casa?
  • Bem-vindos ao Ana, Go Slowly!

    Aqui cabe tudo aquilo que nos leva em direcção a uma vida mais simples, sustentável e feliz: minimalismo, slow living, desperdício zero, hábitos saudáveis, yoga, meditação e muito mais.

    Ana Milhazes
    Autora • Socióloga • Coach • Activista • Instrutora de Yoga •
    Fundadora do Lixo Zero Portugal

    Subscreve o Ana, Go Slowly

    Inspira-te com os meus conteúdos sobre Minimalismo, Desperdício Zero e Slow Living

    Recebe gratuitamente conteúdos exclusivos e novidades em primeira mão

    O meu Livro

  • Temas